segunda-feira, 11 de janeiro de 2010

Você gosta do seu lixo?

A resposta deveria ser sim pelo menos para boa parte dele. Parte que gera emprego, que não polui, que promove consciência.

O Brasil recicla menos de 5% de lixo urbano. Este percentual é de 40% nos EUA e na Europa (UBQ - União Brasileira para a Qualidade).

Apesar disto, o Brasil lidera a reciclagem de latas de alumínio e materiais feitos de papelão (aproximadamente 85% e 72% são reciclados, respectivamente), devido a um único motivo: necessidade.

Atualmente, cerca de 170 mil pessoas vivem da reciclagem de latas de alumínio no país. Para se ter uma ideia, O quilo da lata de alumínio rende 55 vezes o valor do vidro colorido e 6 vezes mais que o PET (Novelis).

Ontem (10/01/2010), no Fantástico, jornal da TV Globo, mais uma reportagem alertou sobre o problema do destino do lixo que o ser humano produz.

Cada brasileiro produz, aproximadamente, 1,2 kg de lixo/dia.

Sabe-se que 90% do lixo produzido no mundo é plástico, ou seja, lixo passível de reciclagem.

Há pesquisa, há informação, há lixo limpo pronto para se tornar utilizável, mas não há consciência. Muitas vezes por falta de acesso à informação, outras pela pura falta de consciência.

O pesquisador Charles Moore (oceanógrado que descobriu uma “ilha de lixo” no meio do oceano Pacífico- http://www.youtube.com/watch?v=O0P0dRRlVl4&NR=1) disse que pequenas ações já não surtem mais efeito para acabar com o cenário assustador que o oceano e a natureza se encontram. São necessárias grandes ações.

A Agência de Proteção Ambiental dos EUA revela que são consumidos de 500 milhões a 1 trilhão de sacos plásticos ao redor do mundo. Estes sacos não são reciclados (veja o link: http://www.youtube.com/watch?v=iaSGSyBTMi4).

Cerca de 27% do lixo desta “Ilha de lixo” vem de sacolas de plástico, estas que se usa em supermercados. As mesmas que matam centenas de animais nos oceanos, asfixiados, enforcados ou de maneiras que nem se imagina.

Grandes ações vêm com atitudes em massa. Você não precisa pegar um cartaz com algumas frases de amor à natureza e sair na Avenida Paulista gritando palavras que façam você no final do dia se sentir melhor, a não ser que isto realmente mude o “andar da carruagem”.

Reciclar o lixo da sua casa e deixar de usar sacolas plásticas é um grande começo. Estima-se que uma família com cinco pessoas produza 6 kg lixo/dia, se 90% deste lixo fosse reciclado, seriam produzidos 0,6 Kg de lixo/dia.

Enquanto a humanidade caminha do jeito que dá para caminhar, a natureza também vai caminhando, ela, porém, não adia nada, não deixa pra depois. Ainda é possível amenizar as consequências.



Veja link: http://planetasustentavel.abril.com.br/noticia/lixo/conteudo_250715.shtml




http://www.conteudo.com.br/chicodias/apavorante
http://www.ubq.org.br/
http://www.novelis.com.br/
http://planetasustentavel.abril.com.br/noticia/lixo/conteudo_239265.shtml

Por Fernanda

Um comentário:

  1. Se todos nós fossemos conscientes, o mundo teria mais vida.

    ResponderExcluir